BEM-VINDOS AO BLOG!

Atualmente, sou... digamos... aprendiz de vegetariana. Pensar que, para satisfazer minha gula, tenho de ser conivente com o sacrifício de animais, fez-me, aos poucos, desistir de comê-los. Entretanto, não pratico o vegetarianismo "vegan", que descarta todo e qualquer alimento de procedência animal. Eu continuo ingerindo ovos e laticínios prazerosamente e sem culpa.
Às vezes, ainda tropeço e caio de boca numa torta de atum, numa tainha assada recheada com farofa ou num strogonoff de frango... Mas é raro...
Assim, quem pretende encontrar neste blog uma boa receita de rosbife, leitão à pururuca, carré de cordeiro, vaca atolada, escondidinho de carne-seca etc., perdoe-me, mas será uma busca infrutífera! Fora isso, sejam todos bem-vindos!







segunda-feira, 13 de junho de 2011

AS VIRTUDES DA BERINJELA


Hoje vou abrir parêntese nas postagens de comidinhas juninas, diante de várias alegações de que assim não há regime nem colesterol que resista...kkkkk!
Então, lembrei-me da berinjela - não nas versões à parmegiana, ou moussaka, ou à milanesa - aí, eu seria fuzilada!!! Mas, sim, lembrei-me de seu uso medicinal: a berinjela, além de render deliciosos pratos, também é um fitoterápico que, entre outros benefícios, ajuda a emagrecer e a reduzir o colesterol.
É verdade que suas propriedades medicinais são postas em dúvida pela halopatia - mas será, que por trás desse questionamento quanto à sua real eficácia, não está a pressão feita pelos grandes laboratórios farmacêuticos, na maioria multinacionais, que não querem perder terreno para a farmacopeia natural? Isso não é novidade, mas nada se faz a respeito porque envolveria até governos e poderia provocar incidentes diplomáticos e queda nas Bolsas de Valores (e não estou brincando nem exagerando). Segundo essa política, é bem mais interessante tratar doentes teminais com câncer ou portadores de HIV com remédios caríssimos que nem sempre são fornecidos pelos sistemas públicos de saúde, do que investir pra valer em pesquisas para a cura definitiva dessas doenças a curto prazo...
Desculpem, abri um parêntese no parêntese...Mas é que a gente voa quando começa a pensar...
Voltando à berinjela - originária da Índia, a berinjela (Solanum melongena) foi introduzida na Europa no século XIII, pelos árabes, através da Península Ibérica.
A mais conhecida é a de casca roxa, mas também existem as de coloração branca, creme, rajada e formatos redondo e alongado.
A berinjela contém alcalóides (stachydrina), vitaminas (A,B1,B2,B5,C,niacina), minerais (cálcio,fósforo,potássio, magnésio) e proteínas. É alcalinizante,calmante, digestiva, diurética, remineralizante, resolutiva;reduz a ação das gorduras no fígado e auxilia no emagrecimento.
Origem: Wikipedia e Plantamed (www.plantamed.com.br).

RECEITA COM BERINJELA PARA COMBATER O COLESTEROL E AUXILIAR O EMAGRECIMENTO
(Recebi por e-mail, testei em mim mesma e achei que funciona quanto ao emagrecimento - colesterol, não sei, pq. não medi os índices):

"Cortar uma berinjela grande em fatias finas (com casca) e colocar de molho em 1 litro de água. Deixar na geladeira de um dia para outro. Remover as berinjelas e acrescentar o suco de 2 limões. Beber esse litro ao longo do dia.
Cuidado, essa receita usada por mais de 15 dias causa emagrecimento acelerado; não ultrapasse 60 dias de uso contínuo."

DICAS DO FRUGAL:
1. O gosto é horrível, mas vc. não está tomando um refresco! Vc. quer combater o colesterol e, de quebra, emagrecer e vestir de novo aquele jeans que não entra mais, nem com reza brava...
2. Não jogue fora as fatias de berinjela que ficaram de molho! Elas podem perfeitamente ser utilizadas numa receita culinária!

5 comentários:

  1. Não gosto de beringela, mas dia desses minha esposa fez lasanha de beringela, e tu sabes que ficou ótima, tenho a certeza que a pamegiana, também deve ser ótima,
    bjs netunianos

    ResponderExcluir
  2. Olá, Claudia!!
    Vou experimentar!
    Já fiz a berinjela assim com caldo de laranja, mas me ataca o estômago.
    Para que os de casa comam berinjela tenho que fazer em forma de lazanha.
    É dureza fazê-los comer legumes e verduras.rsrs
    Obrigada pela dica!!
    Bjs!
    Márcia

    ResponderExcluir
  3. Momento Cultural – Às pag 127 do meu livro RECEITAS CULTURA HUMOR temos uma receita de Humus Tahine que eu gosto muito acompanhados de pão sírio, ou fatias de pão italiano cortadas bem finas e levemente tostados ao forno biscoitinhos salpet. Coalhada seca (Pág. 121 do livro de receitas) e folhas de hortelã caem bem com essa iguaria. Pois bem, o Babaganuche é uma receita igual, porém com berinjela ao invés de grão-de-bico. A berinjela, além de render deliciosos pratos, também é um fitoterápico que, entre outros benefícios, ajuda a emagrecer e reduzir o colesterol. Ela não tem uma boa aparência, mas suas qualidades e sabor superam tudo isso. Esse patê é mais um exemplo da versatilidade das berinjelas, que eu tanto respeito e adoro. Nessa receita associadas ao tahine, uma pasta de sementes de gergelim descascadas, formam um casamento de causar inveja aos mais fervorosos. Sua coloração não tão atrativa pode ser amenizada acrescentando algum componente decorativo como ramos de alecrim, orégano, tomilho, tomatinhos cereja, etc. Tudo isso tenho na minha horta. Na composição de uma mesa de antipasti de verão, ele tem papel importante pelo sabor marcante e adequado para a estação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antônio Fábio,
      Foi uma agradável surpresa receber seu comentário com essas dicas ótimas.Seu livro deve ser bem interessante. Adoro todas essas receitas às quais você se refere. Aliás, adoro os pratos árabes em geral.
      Ficarei feliz em rceber outras visitas suas ao blog!
      Cláudia.

      Excluir
  4. Momento Cultural – Às pag 127 do meu livro RECEITAS CULTURA HUMOR temos uma receita de Humus Tahine que eu gosto muito acompanhados de pão sírio, ou fatias de pão italiano cortadas bem finas e levemente tostados ao forno biscoitinhos salpet. Coalhada seca (Pág. 121 do livro de receitas) e folhas de hortelã caem bem com essa iguaria. Pois bem, o Babaganuche é uma receita igual, porém com berinjela ao invés de grão-de-bico. A berinjela, além de render deliciosos pratos, também é um fitoterápico que, entre outros benefícios, ajuda a emagrecer e reduzir o colesterol. Ela não tem uma boa aparência, mas suas qualidades e sabor superam tudo isso. Esse patê é mais um exemplo da versatilidade das berinjelas, que eu tanto respeito e adoro. Nessa receita associadas ao tahine, uma pasta de sementes de gergelim descascadas, formam um casamento de causar inveja aos mais fervorosos. Sua coloração não tão atrativa pode ser amenizada acrescentando algum componente decorativo como ramos de alecrim, orégano, tomilho, tomatinhos cereja, etc. Tudo isso tenho na minha horta. Na composição de uma mesa de antipasti de verão, ele tem papel importante pelo sabor marcante e adequado para a estação.

    ResponderExcluir