BEM-VINDOS AO BLOG!

Atualmente, sou... digamos... aprendiz de vegetariana. Pensar que, para satisfazer minha gula, tenho de ser conivente com o sacrifício de animais, fez-me, aos poucos, desistir de comê-los. Entretanto, não pratico o vegetarianismo "vegan", que descarta todo e qualquer alimento de procedência animal. Eu continuo ingerindo ovos e laticínios prazerosamente e sem culpa.
Às vezes, ainda tropeço e caio de boca numa torta de atum, numa tainha assada recheada com farofa ou num strogonoff de frango... Mas é raro...
Assim, quem pretende encontrar neste blog uma boa receita de rosbife, leitão à pururuca, carré de cordeiro, vaca atolada, escondidinho de carne-seca etc., perdoe-me, mas será uma busca infrutífera! Fora isso, sejam todos bem-vindos!







sábado, 14 de maio de 2011

DOCE DE ABÓBORA COM CASCA



Essa foi a sobremesa do almoço inaugural: um doce de abóbora-moranga com casca, que eu havia feito na véspera, e que encontrei por acaso folheando uma velha revista: "Utilíssima" (da Ana Maria Braga, lembram?), nº16, de janeiro de 2000, pág. 17. Pena que essa revista não é mais editada, era excelente, com matérias que valiam a pena, realmente úteis. Mas, em geral, é assim: o que é bom dura pouco, porque o que dá IBOPE são os BBB da vida, satisfazendo a boçalidade do povo! Deixando as considerações sociológico-filosóficas de lado, vamos à receita do doce, que é o que nos importa no presente momento:

Ingredientes:

1kg de abóbora-moranga
1kg de açúcar cristal
1 xícara de água

Maneira de fazer:

Lave bem a moranga, retire todas as sementes e corte em pedaços de 10x6cm ou no tamanho desejado; o importante é deixar a casca.
Coloque numa panela, com o açúcar e a água. Deixe cozinhar por 30 a 40 minutos. Vá espetando com um garfo para sentir a textura macia: a abóbora tem de estar cozida, mas sem soltar da casca, que dá textura especial.


DICAS DO PANTAGRUEL:

1.Se você, como eu, não tiver açúcar cristal na hora de fazer o doce, pode usar açúcar refinado comum. Eu utilizei também um pouco de açúcar mascavo, por isso meu doce ficou mais moreninho, mas com uma calda mais rala, menos brilhante...
2. Como adoro canela, no meu doce tinha muuuitos paus de canela, que coloquei junto com os outros ingredientes, desde o início, para pegar bem o gostinho!

Um comentário:

  1. Para com isso, assim vou engordar só de olhar, rsrsrsrsrsr,
    maravilhoso, adoro essa sobremesa,
    bjs netunianos

    ResponderExcluir